O que é Home Office? [Guia Completo]

capa blog o que é home office

O home office traz vários benefícios tanto para o colaborador quanto para a empresa, e é conhecido como uma das formas de trabalho do futuro.

O home office está cada vez mais presente nas empresas, não só do Brasil, mas do mundo todo. Isso acontece porque cada vez mais os profissionais buscam flexibilidade em suas jornadas, e as empresas, redução de custo e eficiência. 

O home office, por definição, é “trabalho em casa”. Ou seja, o colaborador cumpre suas tarefas e objetivos sem estar fisicamente na empresa. 

É claro que isso não significa que o colaborador possa apenas trabalhar em casa, mas também em um coworking, bibliotecas, cafeterias, e etc. 

Além de home office, essa modalidade de trabalho recebe outros nomes, como teletrabalho, trabalho remoto, trabalho à distância e trabalho portátil.

OBS: A TiqueTaque está em uma parceria com a Stone Pagamentos, disponibilizando o plano de registro de ponto por aplicativo gratuitamente, por 60 dias, para empresas que estão liberando seus funcionários para home office devido o Coronavirus. Se tiver interesse, entre aqui e clique em “TiqueTaque” na seção “Gerenciar seu negócio” 🙂

Benefícios do home office

Assim como falamos no início, o home office tem vantagens tanto para a empresa, quanto para o colaborador.

Em primeiro lugar, vamos falar alguns dos benefícios para o colaborador:

  • Ganho de qualidade de vida: não precisa se deslocar até a empresa, enfrentando trânsito e transporte público.
  • Autonomia: com o trabalho remoto, a pressão diminui e o colaborador pode definir seus próprios horários.
  • Maior equilíbrio entre vida profissional e carreira: uma jornada flexível e sem se preocupar com deslocamento reflete diretamente na rotina pessoal do colaborador.

Leia também: A importância da autonomia dos funcionários para a empresa


Benefícios do home office para a empresa

Um colaborador remoto pode trazer vários benefícios para a empresa, desde o recrutamento e seleção, até a rotina laboral. Vamos falar sobre alguns deles agora.

Recrutamento e seleção

Quando buscamos preencher uma vaga, estudamos o perfil e as qualificações dos candidatos, mas nem sempre encontramos o que foi idealizado. 

Por outro lado, quando há a possibilidade de home office, o leque de opções de candidatos aumenta, afinal, não há mais a barreira da localização.

Economia

Além do pagamento do salário e benefícios de um colaborador, existem outros gastos que precisam ser levados com conta. Alguns dos exemplos são: aluguel de espaço, luz, água, internet e vale transporte, afinal, se o colaborador não precisa se deslocar até a empresa, não é necessário oferecer o transporte. 

Além disso, também há a redução de desperdício de recursos dentro da empresa.


Leitura recomendada: Controle financeiro para empresas: 4 dicas para acertar!


Retenção de talentos

Como o home office oferece flexibilidade de jornada e outras vantagens para o colaborador, ele é considerado componente do pacote de benefícios oferecidos ao colaborador. 

Isso aumenta a satisfação dos funcionários, e, por consequência, a retenção de talentos na empresa.

Pontos de atenção

Como nem tudo são flores, existem algumas coisas que exigem maior cuidado quando o assunto é trabalho remoto. Por exemplo:

  • Perfil do colaborador: nem todo mundo tem o que precisa para se trabalhar em locais alternativos. É necessário que o colaborador seja comprometido, organizado e responsável. Afinal, é muito fácil se distrair e ficar com preguiça quando se está em casa, por exemplo.
  • Desatualização do profissional: o fato do colaborador estar longe da empresa pode causar isolamento social, e a falta de interação pode levar à uma alienação do profissional.
  • Dificuldade de comunicação: se a empresa não possui um plano de comunicação bem estruturado e acessível, fica difícil manter um colaborador remoto bem informado e apoiado pela empresa.

Artigo relacionado: People Analytics: conheça o método que está alavancando as empresas


O que diz a legislação

A partir da Reforma Trabalhista de 2017, a prática do home office passou a ser regulamentada pela legislação brasileira e se tornou legal perante a CLT. Nesse sentido, as regras são:

  • O responsável por materiais de trabalho deve ser especificado em contrato;
  • Não há limite de horas trabalhadas, nem o pagamento de horas extras;
  • Sendo assim, o colaborador tem metas e objetivos a serem cumpridos, independente das horas trabalhadas diariamente;
  • Benefícios como vale refeição e convênio de saúde devem ser os mesmos para colaboradores presenciais e remotos.

Dicas para implementar na sua empresa

Assim como qualquer ação tomada em uma empresa, a implementação da política de home office precisa de uma estratégia e acompanhamento de resultados. Além disso, existem alguns cuidados que devem ser tomados, veja a seguir:

  • Cuidado com o perfil do funcionário, afinal, infelizmente não é todo mundo que tem a disciplina necessária para trabalhar em casa;
  • Ofereça os materiais necessários, softwares e outras ferramentas para a realização satisfatória das atividades, desde coisas simples como papel, até o computador;
  • Mantenha uma boa comunicação com todos os funcionários. A democratização da informação é crucial para o desenvolvimento profissional e fortalecimento da cultura organizacional;
  • Se possível, faça eventos e reuniões presenciais, para incentivar o networking entre colaboradores externos e internos;
  • Mantenha uma política de feedback e entrega de resultados pelos profissionais remotos, para que não haja a sensação de abandono.

Tudo é questão de planejamento

Infelizmente, não é todo mundo que pode realizar home office. Isso vai desde o perfil do profissional até sua função, afinal, o trabalho remoto é possível apenas para atividades que podem ser realizadas inteiramente por telefone e computador, por exemplo. 

Seja como for, é importante compreender as necessidades da empresa e dos colaboradores, e sempre utilizar a tecnologia como ponte para uma boa comunicação e acompanhamento do desenvolvimento das atividades. 

A tecnologia é uma aliada em várias pontas da empresa, inclusive na gestão de pessoas. 

Não tenha medo de inovar e tentar novas coisas em sua empresa. Afinal, tudo é questão de planejamento e teste. 

E você, tem colaboradores de home office na sua empresa? Como funciona? Ou ainda está com receio de implantar a prática? Conta pra gente, vamos conversar! 🙂


Quer facilitar a Gestão de Ponto na sua empresa? A TiqueTaque é uma solução intuitiva e moderna para gerenciamento de ponto e jornada de trabalho que tem Relógio do Ponto próprio. Saiba mais!

Foto: Canva


5 comentários em “O que é Home Office? [Guia Completo]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Enter Captcha Here : *

Reload Image