Como a IoT irá transformar os ambientes de trabalho

Como a IoT irá transformar os ambientes de trabalho

As revoluções tecnológicas chegam de tempos em tempos e modificam por completo nosso cotidiano. O mundo tem recebido cada vez mais uma enxurrada de novos produtos e serviços que prometem ser tão revolucionários quanto a própria internet em si: A IoT, termo em inglês que significa “internet das coisas”.

Hoje em dia, é difícil imaginar um ambiente de trabalho sem as conveniências e agilidade de computadores, internet e smartphones. Na verdade, muitas empresas e segmentos de mercado sequer existiriam sem essas tecnologias.

Em 2020, com a quarentena causada pela COVID-19, exploramos ainda mais o papel que a tecnologia pode desempenhar em nossas vidas. 

Leitura recomendada: 6 dicas de prevenção ao Coronavírus no local de trabalho

Sendo assim, a verdade é que a IoT irá transformar nosso ambiente doméstico e empresarial cada vez mais. Por isso, se você quer conhecer mais sobre a internet das coisas e saber como ela está sendo aplicada atualmente, confira nossa explicação completa. 

Um único alerta antes de começar a mergulhar no mundo da internet das coisas é que, como toda estrutura digital, o equilíbrio entre a praticidade de um mundo conectado e a vulnerabilidade de expor seus dados pessoais ou até confidenciais na rede deve ser manejado com cuidado.

Uma rede de IoT precisa de etapas adicionais, como a configuração de um roteador VPN, para garantir que toda essa tecnologia possa ser aproveitada de forma segura e confiável. 

O que é exatamente a internet das coisas (IoT)?

Para que possamos entender a nova tecnologia de IoT, podemos nos lembrar da revolução da internet. A rede mundial permitiu que todos os computadores do mundo fossem conectados entre si, criando a troca e coleta rápida de informações e servidores capazes de processar grandes volumes de dados. 

Artigo recomendado: Gestão em RH: como a tecnologia pode ser sua aliada?

A internet das coisas aplica as mesmas ideias, mas a um nível completamente diferente, ou seja, nossos objetos pessoais.

Sendo assim, um ambiente com IoT possui aparelhos como computadores conversando via uma rede inteligente com relógios, tomadas, câmeras, interruptores, geladeiras, smartphones, relógios de pulso, e muito mais.

E, por isso, o IoT permite uma série de novas interações.

Portanto, sequências automáticas de ações passam a ser possíveis em nossa rotina. Ao chegar em casa, por exemplo, seu smartphone pode sinalizar para a rede que você está na porta que automaticamente se abre, as luzes acendem e seu aparelho entra no modo silencioso. 

Outra grande possibilidade é a troca e processamento de dados a nível pessoal. Sendo assim, sua geladeira, smartphone e relógio podem se comunicar e entender seus hábitos alimentares e energéticos.

Por isso que, muito possivelmente, no futuro seu plano de saúde pode lhe oferecer pacotes mais customizados com base nesses dados e elaborando estratégias de alertas quanto à saúde. 

Aplicações da IoT 

Atualmente, já existem milhares de ecossistemas inteligentes e dispositivos no mercado prontos para serem utilizados. Ou seja, nada disso é apenas uma promessa para o futuro: a realidade da internet das coisas já pode entrar – se já não entrou – em sua empresa ou casa.

Existem milhares de exemplos domésticos, desde robôs aspiradores até auto-falantes inteligentes. Mas o mais interessante são as aplicações no ambiente de trabalho, onde precisamos maximizar a eficiência e reduzir os custos

Controle de ponto alternativo

Uma das tecnologias que podem transformar completamente o fluxo e organização de uma empresa é o controle digital de ponto, que diferentemente dos métodos tradicionais, é extremamente ágil e poderoso.

Com um smartphone ou relógio, é possível atingir um alto nível de segurança e confiabilidade, e ao mesmo tempo, agilizar o processo.

Leia também: Controle de ponto: o que é e como funciona [GUIA]

Além disso, os gestores da empresa tem acesso à dados em tempo real, estatísticas agregadas, controle de desempenho, otimização, e diversos relatórios importantes para elaborar as estratégias da empresa. 

Economia de energia

Uma outra vantagem da IoT é a possibilidade do controle coordenado de diversos pontos inteligentes.

Em outras palavras, seu escritório pode automaticamente ajustar a intensidade da luz diminuindo o gasto energético e, com o ajuste circadiano da luz azul ou amarela, aumentar a energia e conforto dos funcionários.

O mesmo vale para computadores, ar condicionado, e até tomadas. Sendo assim, tudo pode ser controlado por uma central que monitora quando e como cada equipamento é utilizado.

Redução de falhas

Outra grande novidade é a possibilidade de equipamentos que podem prever seu próprio desgaste e analisar estratégias para minimizar os custos de manutenção.

Desde máquinas especializadas até computadores, dispositivos IoT já são capazes de detectar hábitos danosos, prever manutenções baseados em uso diário, e otimizar seus componentes para cada tipo de trabalho.

Segurança

Dispositivos de internet das coisas são ainda mais poderosos quando o assunto é segurança. Desde a segurança digital, através de autenticação biométrica por exemplo, até segurança física, como em fechaduras inteligentes.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Enter Captcha Here : *

Reload Image