Imposto de Renda 2022

O Imposto de Renda é um dos impostos mais famosos do país. Ou você já teve que lidar com ele ou pelo menos ouviu falar. Mas você sabe o que é, para o que serve e porque o Governo quer saber das nossas contas? Confere esse conteúdo que vamos te ajudar a entender melhor.

O que é imposto de renda?

O imposto de renda é um tributo federal que, como diz o nome, é calculado sobre a renda. Ou seja, em cima daquilo que você ganha. E ainda acompanha a sua evolução patrimonial. Para fazer esse acompanhamento, o governo solicita tanto aos trabalhadores quanto às empresas que informem seus ganhos anuais para a receita federal. 

Ao longo do ano,  ganhamos e gastamos dinheiro. De forma geral, a renda é tributada no momento do recebimento. No ano seguinte, a Receita avalia se o que foi cobrado de você é, realmente, o que você precisaria pagar conforme o balanço dos seus ganhos. Para o “leão” ter todas essas informações, você precisa realizar a “Declaração de Ajuste Anual” para o Imposto de Renda sobre Pessoas Físicas, o IRPF. 

Essa declaração é feita geralmente do início de março e vai até o fim de abril. Nela, é preciso apresentar todos os seus ganhos e gastos em serviços, no ano anterior.

Quem precisa declarar Imposto de Renda em 2022? 

Existem algumas especificidades que podem te enquadrar nos grupos obrigados a realizar a declaração do imposto de renda. Podemos dividir em dois grupos:

I – Renda: Se você recebeu, por exemplo, um salário anual maior que R$ 28.559,70. Ou, o rendimento dos seus investimentos anuais foram superior a R$ 40.000,00

II – Atividade rural: Teve uma renda bruta maior que R$ 142.798,50. As plantações renderam bem e a venda do gado decolou? Vai ter que declarar!

Quem está isento do Imposto de Renda 2022?

Quando se fala de “isenção do Imposto de renda”, estamos nos referindo ao não pagamento do imposto. Mas o termo “isenção” também é usado no popular para se referir a quem não tem a obrigatoriedade de declarar o Imposto de Renda. Neste texto, falaremos sobre quem não precisa fazer a declaração.

Em primeiro lugar, não precisa fazer a declaração do Imposto de Renda quem recebeu rendimentos tributáveis cuja soma anual foi menor que R$ 28.559,70. 

Também é desobrigado a realizar a declaração quem constar como dependente na declaração enviada por outra pessoa física – podem ser declarados como dependentes cônjuge ou companheiro com quem o contribuinte tenha filho ou viva há mais de 5 anos, filhos ou enteados de até 21 anos de idade, irmãos, netos ou bisnetos de quem o contribuinte tenha a guarda judicial, entre outros Também quem teve os bens comuns declarados pelo cônjuge ou companheiro – desde que o valor total não tenha ultrapassado o limite de R$ 300 mil em 31 de dezembro de 2021. 

Além disso, pessoas com doenças específicas também estão isentas de fazer a declaração de IR: Tuberculose Ativa; Cardiopatia Grave; Neoplasia Maligna; Nefropatia Grave; AIDS (Síndrome da Imunodeficiência Adquirida); Paralisia Irreversível e Incapacitante; Doença de Paget em estados avançados; Espondiloartrose Anquilosante; Esclerose Múltipla; Fibrose Cística (Mucoviscidose); Hanseníase; Contaminação por Radiação; Doença de Parkinson; Hepatopatia Grave; Cegueira (inclusive monocular); Alienação Mental.

Qual valor para declarar o imposto de renda 2022?

Uma das perguntas mais frequentes em relação à declaração do imposto de renda é em relação ao valor para declarar. Como já citamos anteriormente, você é obrigado a realizar sua declaração caso seu salário anual tenha ultrapassado o total de R$ 28.559,70. Já o valor que será pago ou restituído vai ser calculado diretamente a partir do balanço das suas despesas e receitas. Já o valor pago ao contador ou escritório de contabilidade que fizer a declaração para você, pode variar de escritório para escritório.

Calendário para declaração de imposto de renda 2022

A Receita Federal começou a receber as declarações de imposto de renda de 2022 no dia 07 de março. As declarações podem ser enviadas até o dia 29 de abril, então atenção para não perder o prazo.

Esse ano o sistema de declaração trouxe algumas novidades, entre elas está a possibilidade de receber a restituição ou pagar valores devidos via Pix.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Enter Captcha Here : *

Reload Image