Tendências do RH: o que é importante saber ainda este ano

Tendências do RH

Todos sabemos que estamos passando por diversas mudanças na gestão de pessoas. Mudanças que envolvem não só as lideranças, mas, principalmente, o departamento de Recursos Humanos. As tendências do RH são insights que precisam de atenção, pois ditam quais as iniciativas, as soluções e expectativas para o futuro da gestão.

De fato, a pandemia, que se iniciou em 2020, afetou todo o mundo e mudou o foco dos gestores e líderes. As empresas tiveram que adequar todos os seus processos de gestão, por isso, as tendências do RH também mudaram e estão voltadas para as novas prioridades das organizações.

Mas quais as novas prioridades do RH? De onde vêm essas tendências? Quais as principais que precisam de foco ainda este ano? É sobre isso que vamos apresentar neste artigo.


Fatores que influenciam as novas tendências do RH

As principais tendências do RH, que vêm se tornando prioridade para a gestão de pessoas e para os líderes do próprio departamento, são reflexos das novas necessidades que as empresas encontram no mercado e na transformação digital.

Ao contrário das culturas empresariais tradicionais adotadas por diversas organizações, o mercado atual pede por uma gestão mais humanizada, com o foco no bem-estar e no engajamento dos colaboradores. Nós mudamos a nossa relação com o trabalho e com a tecnologia, por isso, podemos dizer que estamos em uma fase de adaptação e precisamos olhar para isso com a ajuda do RH.

Não podemos ignorar que os avanços tecnológicos estão dominando o mercado. Assim, as empresas também estão priorizando a automação de seus inúmeros processos, garantindo benefícios na gestão e maior produtividade.

Para você ter uma ideia, pesquisas mostram que os principais desafios e preocupações dos líderes de RH para os próximos anos se resumem na adoção e adaptação das novas políticas de trabalho, no aumento das taxas de turnover, no desenvolvimento da liderança, na comunicação assertiva e nas ações de diversidade. Porém, as tendências não se limitam a isso e ainda temos uma longa lista de questões que precisam de atenção do RH.

Quando olhamos para esse cenário, é possível ver que os desafios são muito mais profundos e estão diretamente ligados à cultura organizacional. E como vencer esses desafios? Bom, é isso que as tendências do RH buscam ajudar.


Um pouco sobre o futuro da gestão

Como mencionamos, o futuro da gestão se resume a dois fatores que se tornaram prioridade: pessoas e tecnologia. E as empresas precisam olhar para isso, se elas desejam garantir um diferencial competitivo e manter a integridade dos processos.

Para que as organizações se adequem ao futuro da gestão, o RH precisa entrar em ação e se adaptar às novas carências. Ou seja, um departamento que sempre foi focado em processos burocráticos, agora precisa focar na gestão de pessoas mais estratégica. Por isso, quando falamos do futuro da gestão, inserimos um novo conceito para os Recursos Humanos, o RH estratégico.

Outro fator importante, que se aplica ao futuro da gestão e está relacionado às tendências do RH, é a metodologia ágil. Esse é um conceito complexo, pois ao contrário do que muitos pensam, não está apenas relacionado com a agilidade dos processos, mas sim com a otimização da gestão de pessoas.

Quando falamos em metodologia ágil, em RH estratégico e em todo o futuro da gestão, precisamos ressaltar a importância da tecnologia para as tendências do RH.

A transformação digital chegou para simplificar tarefas e processos, mas ela também trouxe a necessidade em gerar dados mensuráveis, otimizar tempo e reduzir custos. O mais interessante é que a tecnologia também abriu espaço para focar no capital humano, na humanização da gestão e inovação.


As principais tendências do RH

As tendências do RH estão todas ligadas ao RH estratégico, você vai perceber que o foco dos profissionais da área vai estar 100% ligado às pessoas da empresa e aos processos que promovem engajamento, produtividade e satisfação.

Que tal dar uma olhada nas principais tendências do RH que precisam da sua atenção?

#1 Cultura organizacional

Focar na cultura organizacional é uma tendência do RH que acaba refletindo em todas as outras. A cultura reúne as expectativas comportamentais que ditam formas aceitáveis de conduzir os processos internos, de se relacionar e todos os valores da empresa.

É importante que o RH se preocupe em manter uma boa cultura na empresa, só assim é possível ter uma gestão inovadora e humanizada. Além de que uma cultura adequada reflete em todo o clima interno. 

#2 People Analytics

Com as possibilidades tecnológicas, usar dados para tomar melhores decisões é uma grande estratégia que garante assertividade e eficiência. E não seria diferente com a gestão de pessoas.

O People Analytics é uma funcionalidade que coleta e analisa dados referentes ao comportamento das pessoas da empresa. Seu intuito é identificar pontos de melhorias na gestão de pessoas, ajudar líderes a tomar decisões estratégicas , acompanhar o perfil do colaborador e avaliar sua produtividade e desempenho.

Essa ferramenta de análise de pessoas é muito benéfica para toda gestão, mas também em processos específicos de Recursos Humanos, como na contratação de talentos, na promoção de funcionários, para entender o turnover, o clima organizacional, a produtividade e o engajamento interno.

Por isso, os líderes de RH estão tão preocupados em implementar essa metodologia em seus processos o mais rápido possível. 

#3 Desenvolvimento das lideranças

Com as mudanças que mencionamos, o papel do líder também muda. Estamos acostumados com um perfil de chefe autoritário e não de um líder, de fato. O problema é que esse mindset afeta a gestão de pessoas e, consequentemente, os resultados do negócio.

Por isso, uma das principais preocupações dos RHs é auxiliar no desenvolvimento de líderes. O intuito é capacitar essas pessoas não apenas com hard skills, ou habilidades técnicas, mas, principalmente, com soft skills. Essas competências comportamentais são essenciais para aprimorar os relacionamentos internos e a gestão.

#4 Experiência do colaborador

Mais conhecido no mercado como Employee Experience, essa é uma estratégia que foca em priorizar iniciativas que ajudam a criar e manter uma visão positiva do trabalhador sobre a empresa em relação ao ambiente de trabalho.

Cabe ao RH promover essas ações, seja através de iniciativas de bem-estar, de saúde emocional, benefícios, flexibilidade e/ou melhorias internas. O importante é entender quais fatores ajudam a melhorar a percepção do funcionário em relação à empresa e criar um ambiente mais propício e agradável para trabalhar.

A experiência do colaborador com a empresa influencia na produtividade, no engajamento, na satisfação e, consequentemente, ajuda na diminuição da rotatividade (turnover) e na retenção e atração de talentos.

#5 Diversidade e inclusão

A diversidade e inclusão não são apenas tendências do RH, mas também responsabilidade social com as minorias desfavorecidas historicamente em nossa sociedade.

Mas a verdade é que ambientes de trabalho diversos promovem maior liberdade criativa e a recepção de novas ideias na empresa, ou seja, está relacionado à inovação. Cabe ao RH incentivar ações internas e externas de diversidade, além de cuidar de todos os desafios e preconceitos existentes no mercado.

O que podemos concluir com tudo isso?

Uma resposta rápida? Que o mundo mudou, as prioridades mudaram e o departamento de Recursos Humanos também. As empresas precisam se adaptar ao que o mercado pede, afinal, a inovação é essencial para manter a integridade e, principalmente, trazer grandes resultados. Quem ainda insiste em uma gestão tradicional perde muitos benefícios, além de estagnar seu crescimento e enfrentar muitos desafios no futuro.


Como a Elofy pode ajudar

A Elofy é uma plataforma que traz as principais soluções para otimizar a gestão de pessoas das empresas mais inovadoras. As tendências de RH se resumem em pessoas e tecnologia, certo?! Bom, a Elofy reúne tudo isso em um lugar só.

Você não apenas conta com todas as funcionalidades necessárias para implementar o People Analytics na sua empresa, mas também consegue registrar, analisar e monitorar dados de maneira simples, rápida e eficaz.

Também contamos com outras funcionalidades para engajar seus colaboradores e atingir a alta performance, tais como: gestão de OKRs, Feedbacks, Pesquisas, Avaliação de Desempenho, 1-1s e PDI. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Enter Captcha Here : *

Reload Image